Home»Detalhe de Notícias
 
SBN apela ao reforço de medidas de higienização

O Sindicato dos Bancários do Norte continua a acompanhar todas as informações decorrentes da situação epidemiológica do novo Coronavírus – COVID19.

O SBN está particularmente atento e solidariza-se incondicionalmente com o papel que os bancários desempenham no cumprimento do serviço público que estão obrigados a prestar, contribuindo para a redução dos impactos económicos que a situação pode causar no dia a dia das pessoas e das empresas.

Neste contexto, testemunhou ontem por escrito aos Recursos Humanos das instituições de crédito a sua preocupação com o evoluir da situação, apelando para a adoção e cumprimento imediato de todas as medidas de proteção dos trabalhadores, que têm vindo a ser amplamente divulgadas pelas autoridades de saúde.

Com efeito, todos sabemos os riscos associados à pandemia e ao seu contágio, pelo que os bancos tudo deverão fazer para criar condições de segurança, evitando que os trabalhadores corram riscos desnecessários.

Sabemos e reconhecemos o esforço que tem vindo a ser feito pelos bancos no sentido de criar as condições de segurança desejáveis para todos os seus trabalhadores, mas existem ainda algumas situações que devem merecer mais atenção e urgente resolução.
Passamos a enunciar algumas das principais medidas:

- Disponibilização dos meios suficientes e necessários à higienização e desinfeção dos espaços utilizados pelos trabalhadores e de atendimento de clientes.

- Disponibilização urgente de recipientes com líquidos próprios para a desinfeção das mãos.

- Determinação de conceder prioridade à saúde dos bancários e dos clientes das instituições de crédito – uma preocupação agora ainda muito mais premente do que a disputa de quotas de mercado e do estabelecimento de novos objetivos comerciais –, não esquecendo a necessidade de continuar a oferecer proximidade, aconselhamento e apoio aos clientes.

- Permitir aos bancários que trabalhem em local onde for detetado um colega “infetado” a realização de testes de despistagem, integralmente pagos pela instituição.

Por fim, o SBN manifesta a sua disponibilidade para cooperar na distribuição de produtos de higienização, dando assim cabal resposta a alegadas dificuldades de fazer chegar tais produtos a alguns balcões.

O SBN continuará a manter a vigilância e a intervenção atempada nas possíveis ocorrências, através dos Corpos Gerentes e do Conselho de Gerência do SAMS, bem como de toda a estrutura sindical, monitorizando a evolução da situação a todo o momento.

SEJA UM AGENTE ATIVO NO COMBATE AO VÍRUS, PELA SUA SAÚDE!...

A Direção


26/03/2020


     
   Imprimir        Voltar        Topo
Copyright © 2007 SBN