Home»Detalhe de Notícias
 
Ano novo, vida nova, também para os trabalhadores do BCP!

A Direção, hoje reunida, tomou a seguinte posição em relação ao BCP:

SBN EXIGE À ADMINISTRAÇÃO RESULTADOS

E O CUMPRIMENTO DE COMPROMISSOS ASSUMIDOS

O SBN, como não poderia deixar de ser, está solidário com todos os trabalhadores do BCP que vão manifestando, cada vez em maior número, o seu descontentamento face às condições de trabalho degradadas e estagnadas.

São inadiáveis as atualizações nas retribuições e nas pensões, bem como a reposição de direitos perdidos. E o SBN continua a exigir efeitos retroativos pelo menos a janeiro de 2018. Há também correções necessárias nas carreiras profissionais.

Os horários de trabalho têm de ser respeitados em todos os locais. Os registos diários e inalteráveis dos tempos de trabalho têm de corresponder a todas as horas trabalhadas, banindo-se o trabalho gratuito ou horas suplementares não pagas. O SBN vai exigir a intervenção da ACT.

O SBN continua a reclamar as diferenças dos prémios de antiguidade.

Os trabalhadores do BCP têm razões de sobra para exigirem mudanças, vida nova. E podem contar com o empenho e determinação do SBN para a reposição de direitos perdidos e para a recuperação de maior dignidade e melhorias de retribuições, que restaurem e alimentem a motivação profissional e o gosto de pertencer ao BCP.

A Administração tem de compreender que é urgente passar das palavras aos atos.

É inadmissível que, desde 2011, não haja revisões do ACT com aumentos salariais e das pensões. É imperioso ultrapassar o impasse nas atualizações das tabelas. Que fique claro que o SBN exige aumentos para todos.

SBN exige resultados. E tanto quanto de si depender, tem de haver resultados. Quanto antes!

É lamentável e deve ser denunciado o papel de alguns, inclusive em estruturas de representação de trabalhadores, que maldizem dos Sindicatos, agindo objetivamente contra os Bancários e dando a mão à Administração para manter ou prolongar a insustentável situação de retrocesso e paralisia dos direitos e interesses dos Bancários. Quem tem de dar aumentos é a Administração ou os Sindicatos?! A quem servem os que usam a intranet do BCP ou outras formas de comunicação para denegrir os Sindicatos?  - É obviamente a Administração, que continua remetida ao silêncio em relação ao processo negocial.

Não haverá negociação coletiva e revisão do ACT sem os Sindicatos ou contra eles. Nesta matéria não há outra alternativa: ou se está com os Sindicatos e com os trabalhadores que estes representam, ou se está com a Administração e contra os trabalhadores. O SBN só pode e quer estar com os trabalhadores! Para reconstruir e repor a dignidade e o brio da classe bancária!

O SBN apela e conta com o apoio de todos os Bancários do BCP para as mudanças que urge provocar na melhoria das condições de trabalho.

Só unidos e determinados venceremos.

A Direção


07/01/2019



     
   Imprimir        Voltar        Topo
Copyright © 2007 SBN