Pesquisa

ok
Home»Nortada»Nortada Detalhe
 
Um conceito novo alicercado no respeito pelos valores humanos

Este projeto para seniores resulta de uma parceria societária constituí- da entre o Sindicato dos Bancários do Norte (Acionista maioritário), a José Vila Nova Saúde e o Grupo Trofa Saúde. Trata-se de um conceito novo, alicerçado no respeito por alguns dos valores humanos inalienáveis (como a individualidade, a independência e a liberdade), estruturando-se a partir do eixo formado através da animação e da ocupação do residente. Aliás, esta vertente ocupacional apresenta-se como o grande fator distintivo da marca, conferindo-lhe um posicionamento próprio e diferenciado no mercado. Com base na experiência acumulada com a gestão de outra unidade sénior (já com oito anos de atividade), os Acionistas entenderam criar uma nova solução para a cidade, aproveitando para associar o novo empreendimento ao lançamento desta nova marca a Pinheiro Manso – Residência Sénior, que surge por via da sua localização (fica situado na rua do Pinheiro Manso, no Porto).
A Pinheiro Manso – Residência Sénior dispõe, então, de 73 quartos (7 triplos, 33 duplos e 33 individuais), ao qual corresponde uma capacidade total de 120 residentes.
Os residentes podem usufruir de excelentes condições, através de um ginásio totalmente equipado, de uma sala de relaxamento, de salas de atividades, de um salão nobre, de uma sala de culto, de um cabeleireiro, da zona de restauração, de uma enfermaria, de salas de banho assistido, de uma vasta área de jardim e de estacionamento privativo. A Pinheiro Manso – Residência Sénior foi arquitetada para assistir os seus residentes, revelando-se uma resposta condigna no ato de resgatar a dignidade de cada um, dado estar dotada de condições técnicas e humanas difíceis de reunir nos respetivos domicílios.
Os quartos decorados e mobilados com extremo cuidado e conforto, através do mobiliário geriátrico ergonomicamente adaptado às necessidades dos seniores, permitem aos residentes receber condignamente a família e amigos, proporcionando a sua total individualidade pessoal e familiar.
Todos os quartos dispõem de uma casa de banho, que se encontra equipada com ajudas técnicas.
Na unidade da PMRS, os residentes têm total liberdade para poderem adicionar detalhes de decoração ou até mesmo substituir o mobiliário, de forma a sentirem uma maior identificação com o espaço. Os quartos dispõem ainda de total comodidade, estando equipados com ar condicionado, telefone, tv cabo e acesso à internet.
Por outro lado, a ausência de escadas, a existência de pisos antiderrapantes, sanitários sem barreiras e corrimões nos corredores são alguns dos pormenores funcionais presentes na Pinheiro Manso – Residência Sénior, projetada para dar resposta às exigências funcionais dos seniores e possibilitando uma vivência o mais confortável possível.
Situada numa zona privilegiada do Porto (a Boavista), com uma envolvência tranquila, e à distância de 150 metros da Avenida da Boavista, a Pinheiro Manso – Residência Sénior é dotada de um edifício moderno de elevada qualidade, idealizada para potenciar uma senioridade ativa e participativa na comunidade, e proporcionando uma oferta de serviços bastante diversificada, com vista à melhoria da qualidade de vida dos seus residentes.

Implantada numa área de cerca de 5.000m2 , esta Residência fica a cerca de 350 metros do acesso à VCI (permitindo a ligação a várias autoestradas), estando igualmente muito próxima de:
- O Hospital Lusíadas Porto 3,2 km
- O Hospital da Prelada 3,3 km
- O Jardim de Serralves 0,6 km
- O Parque da Cidade 1,8 km
- A praia 2,0 km

Este projeto destina-se a todas as pessoas com idade superior aos 55 anos, e traduz-se numa resposta efetiva para cada uma das diferentes necessidades identificadas no segmento em apreço, apresentando para o efeito:
- os serviços relacionados com a área residencial permanente;
- soluções para a estadia temporária (resultantes de períodos de convalescença, férias e/ou descanso);
- um Centro de Dia a funcionar diariamente entre as 08h00 e as 21h00.

Para que o processo de integração seja o mais facilitado possível, a PMRS procura incentivar a realização de eventos e de atividades conjuntas com os familiares e amigos dos residentes.
A inclusão é, então, um dos pilares da intervenção, daí que em cada planeamento das atividades esteja sempre presente o fenómeno da adaptação, ou seja, tudo é concebido e estruturado para que todos tenham acesso às mesmas experiências e oportunidades. Em suma, o objetivo central é que cada residente continue a desenvolver-se e a encontrar a satisfação no seu dia-a-dia.
Nessa medida, o trabalho realizado, no âmbito da animação sociocultural, assume duas vertentes: por um lado, investe-se na estimulação individual dos residentes, e por outro, desenvolve-se um trabalho comunitário, onde se procura envolver as várias redes sociais, e designadamente a família.
Assim, no que concerne à estimulação individual, é feito um plano de desenvolvimento atento às fragilidades de cada residente, que inclui atividades e exercícios de desenvolvimento cognitivo e intelectual, como por exemplo: musicoterapia, jogos de memória, jogos de lógica, jogos de cartas, dominó, puzzles, leitura, etc. Esse plano contempla, igualmente, algumas atividades que visam a estimulação motora, através de exercícios feitos nas sessões de ginástica em grupo, e ainda em atividades de estimulação personalizada.
O respeito pela individualidade de cada um é a melhor forma de proporcionar um verdadeiro conforto e bem-estar. Por isso, a PMRS está recetiva às exigências de cada residente, seja na forma como este prefere as refeições ou nas opções que toma relativamente às atividades disponíveis.
Na perspetiva do trabalho comunitário, um dos claros objetivos assumidos pela PMRS tem sido envolver e promover a participação da família na vida dos residentes.
A PMRS salvaguarda a realização das tarefas elementares diárias, ao nível da higiene, alimentação, vestuário e mobilidade, ao mesmo tempo que as limitações de ordem não funcional também encontram a resposta.
A equipa técnica está preparada para atender às situações mais delicadas, como por exemplo as de Alzheimer, através de serviços de reabilitação que avaliam as capacidades psicomotoras dos pacientes, procurando devolver as capacidades dos residentes.
No âmbito das estadias temporárias, a PMRS acolhe pessoas que necessitam de cuidados específicos de pós-operatório, de recuperação ou de reabilitação. São igualmente contactados por clientes que pretendem um ingresso temporário, apenas por necessidade de convívio com outras pessoas. A ausência temporária de familiares, por motivos profissionais ou em período de férias, pode justificar estadias específicas de curta duração. Nestes casos, os programas propostos são uma boa opção, ao converterem uma situação de possível isolamento numa oportunidade recreativa. Isto porque viver em comunidade e em partilha é uma das formas de reduzir a solidão. Atente-se que a qualidade de vida passa, sem dúvida, pelo convívio social em todas as fases da vida, da infância à terceira idade.
Por sua vez, a modalidade de Centro de Dia está concebida para dar resposta a quem, tendo a possibilidade de retornar todos os dias a casa, procura uma estadia diurna adaptada às suas necessidades. Assim, e destinado à população sénior não residente, com ou sem qualquer tipo de incapacidade, e complementando o apoio familiar, este serviço promove a autorrealização e a autoestima, respondendo às necessidades fisiológicas, sociais e afetivas das pessoas. O Centro de Dia está disponível entre as 8h00 e as 21h00, de segunda a domingo.

A PMRS proporciona, então, uma diversidade de atividades de lazer e de programas de animação, para que estes possam desfrutar de momentos únicos e aprazíveis.
Do vasto conjunto de serviços prestados, destacamos: enfermagem permanente 24h por dia, consultas de medicina geral, animação cultural, ocupacional e criativa, apoio psicossocial, fisioterapia, lavagem e tratamento da roupa, limpeza e arrumação do quarto, serviço de restauração para residentes, familiares e convidados, serviço de transporte. Alimentar a autonomia de quem ainda a conserva é, assim, uma prioridade. A PMRS tem as condições necessárias para proporcionar uma senioridade mais ativa, diversificada e segura.
Conscientes que a qualidade de vida passa pelo convívio social, as atividades diárias partilhadas – como as atividades ocupacionais, os passeios ou as visitas a museus –, contribuem para salvaguardar esta troca, mas é nas áreas comuns do empreendimento que a vida social se desenrola, ao permitirem a socialização entre os residentes, e entre estes e as visitas.
Aconselhamos os eventuais interessados em obter mais informação sobre a Pinheiro Manso – Residência Sénior a consultar o portal da empresa (www.pinheiromanso.pt) ou a estabelecer o contacto telefónico direto, através do número azul 808 236 524.

Pedro Vaz, administrador

     
   Imprimir        Voltar        Topo
Copyright © 2007 SBN