Pesquisa

ok
Home»Nortada»Nortada Detalhe
 
Viver…

Poema ao sabor da fantasia
Nasci quando te encontrei
Ou melhor… renasci, porque até aí
não vivi!

Pairei pela vida envolta em doce névoa
Contigo despertei, abri as asas e voei

Pela primeira vez amei, sofri e chorei
És a fonte que me alimenta, mas
também da minha tormenta …

Despertas em mim sonhos adormecidos
Quando os nossos corpos, agora bem
conhecidos

Juntos na barca do prazer, vagueiam ao
sabor das ondas
intensas de um mar revolto que nos
leva para onde nem queremos saber!

Apenas sentir e esperar que assim seja
até… um de nós morrer.

Autora desconhecida

     
   Imprimir        Voltar        Topo
Copyright © 2007 SBN