Pesquisa

ok
Home»Nortada»Nortada Detalhe
 
O fado

O fado, canção popular genuinamente portuguesa com raízes ancestrais, venerado no castiço bairro de Alfama, em Lisboa, cujo topónimo dizem ser oriundo do misterioso Oriente, derivando da alfazema, planta ornamental aromática da qual se fabricam odoríficos perfumes (de lavanda) e sabonetes, a partir de agora (e para sempre), sob a égide da UNESCO, passa a ser Património Imaterial da Humanidade.
Se até à data de 27 de novembro de 2011 o fado era apenas uma canção somente portuguesa, em que se exprimiam todos os trabalhos penosos e quase incontidos da nossa vida coletiva, em que o amor, a sorte, o destino, a tristeza, a saudade, o fatalismo eram a súmula da sina do que tinha de ser, a partir de hoje ultrapassa a diáspora de um povo que se espalhou por todos os cantos do Mundo, a eles levando o canto quase pungente da alma desse mesmo povo à procura insana do seu próprio destino, em que Amália é e será a lídima e imortal intérprete até aos confins dos tempos.

José Amaral

     
   Imprimir        Voltar        Topo
Copyright © 2007 SBN