Pesquisa

ok
Home»Nortada»Nortada Detalhe
 
Rusga de São João

Na rusga de São João
Com odes e rosmaninho,
Encontrei teu coração
E juntos fizemos ninho.
Usas muitos perfumes
Para atraíres alguém;
Isso não são bons costumes,
Não dão prazer a ninguém.
A noite de São João
É um mar de alegria,
Onde qualquer coração
Faz da noite o seu dia.
Tanta rua pisada
Na noite de São João
E eu na tua peugada
Atrás do teu coração.
Por ter havido gralha na publicação deste soneto,
na edição anterior, repete-se a sua publicação.

José Amaral

     
   Imprimir        Voltar        Topo
Copyright © 2007 SBN